A corrida para salvar o mundo

Donald Trump declarou guerra ao planeta Terra.

Ele está aprovando oleodutos, promovendo minas de carvão e, segundo informantes, tem um decreto legislativo pronto para tirar os Estados Unidos do Acordo de Paris, nossa melhor chance de garantir um futuro limpo e seguro.

Quando se trata de clima, não podemos permitir uma lambança dessas. Nosso clima é delicado e instável: a última era do gelo se instalou dentro de apenas seis meses. Não estamos falando de tempestades ou inundações, mas de um apocalipse que ameaçaria tudo que amamos! É isso o que mais assusta cientistas em termos de mudanças climáticas.

Mas temos um plano de batalha que, se vencermos, poderá neutralizar o ataque de Trump:
  • Trabalhar com prefeitos e líderes locais para, coletivamente, honrar os compromissos selados pelos Estados Unidos em Paris, mesmo que Trump não faça o mesmo.
  • Fazer uma grande campanha para eliminar US$ 1 trilhão de dólares em impostos como pagamento de subsídios para multinacionais de petróleo e carvão, e investindo em energia limpa em vez disso.
  • Aprovar leis nos principais países fabricantes de veículos determinado que novos carros sejam elétricos.
  • Fazer com que as grandes empresas e corporações do mundo usem energia 100% renovável.
Se 10.000 pessoas fizerem uma pequena doação semanal, poderemos passar os próximos dois anos entrando com tudo nesse plano e ir além, garantindo que Trump não destrua o planeta Terra.

Contribua com uma doação semanal para ajudar a humanidade nessa guerra pela sobrevivência.