Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies.
OK
Aos senadores da República: Não ao PL do Abuso de Autoridade

Aos senadores da República: Não ao PL do Abuso de Autoridade

79,655 assinaram. Vamos chegar a   100,000
79,655 Apoiadores

 

Complete a sua assinatura

,
Ao juntar-se a esta campanha você concorda em receber emails da Avaaz. Nossa Política de Privacidade protegerá seus dados - no link explicamos como eles serão usados. Você pode se descadastrar a qualquer momento.
Esta petição foi criada por Ajufe e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
Ajufe
começou essa petição para
Aos senadores da República
Petição contra projeto de Renan que enfraquece o combate à corrupção

A Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) convida todos os cidadãos do país a participarem da petição online contra o projeto de lei do Senado que muda as regras atuais da Lei de abuso de autoridade, criminalizando, em alguns artigos, diretamente a atividade judicial (PLS 280/2016).

A proposta, se aprovada tal como está, intimidará juízes, desembargadores e ministros, além de outras autoridades, na aplicação da lei penal, sobretudo em casos de corrupção que envolvam criminosos poderosos, que hoje são investigados em operações como Lava-Jato, Zelotes, Acrônimo e outras.

O projeto abre a possibilidade de punição ao juiz pelo simples fato de interpretar a lei!

O PLS 280/2016 tramita na Comissão da Consolidação da Legislação Federal e Regulamentação da Constituição do Senado Federal. O parecer, do senador Romero Jucá (PMDB-RR), deverá ser votado no próximo dia 16 de agosto.

Sem um Judiciário independente os juízes não podem fazer seu trabalho e ficarão à mercê de poderosos, verdadeiros alvos dessas operações!

Esta petição online, assinada por brasileiros de todas as regiões do país, será entregue a todos os 81 senadores da República. 

Vamos dar força para a magistratura continuar seu trabalho!