Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies.
OK
Presidente do Clube de Regatas Vasco da Gama: Roberto Dinamite, RENUNCIE! Se você ama o Vasco, saia agora!

Presidente do Clube de Regatas Vasco da Gama: Roberto Dinamite, RENUNCIE! Se você ama o Vasco, saia agora!

5,091 assinaram. Vamos chegar a   5,521
5,091 Apoiadores

 

Complete a sua assinatura

,
Ao juntar-se a esta campanha você concorda em receber emails da Avaaz. Nossa Política de Privacidade protegerá seus dados - no link explicamos como eles serão usados. Você pode se descadastrar a qualquer momento.
Esta petição foi criada por André P. e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
André P.
começou essa petição para
Presidente do Clube de Regatas Vasco da Gama
Roberto Dinamite levou o Vasco duas vezes ao rebaixamento. Nos últimos cinco anos não teve capacidade de agregar as forças políticas vascaínas, mesmo sendo político profissional. Sua administração nos últimos anos, principalmente depois que sua base política se afastou, foi um fiasco. Dívidas se avolumaram, aumento crescente de gastos e o último brasileirão disputado com um time de futebol medíocre, que não serve para jogar nem a segunda divisão.

Esportes Olímpicos inexistentes, sedes se deteriorando, estádio interditado por falta de manutenção, corte de água por não pagamento das contas... a lista de problemas é gigantesca para um clube que é gigante em sua história, mas que se apequena com uma administração inerte encabeçada por Roberto Dinamite.

Portanto, por tudo isso e muito mais, a torcida vascaína abaixo assinada EXIGE a sua RENUNCIA IMEDIATA, e que o clube tenha eleições o mais rápido possível, de modo que um novo presidente, com o aval eleitoral dos sócios, possa reerguer o gigante adormecido em sua administração.

Roberto, sua renúncia é o único gesto digno que poderá mostrar seu amor ao Vasco, e salvar o que sobrou de sua condição de ídolo do futebol vascaíno. Manter-se no cargo e continuar a aumentar sua rejeição é prejudicar o Vasco e prejudicar a si mesmo.

Segue abaixo a carta de pedido de renúncia do Sócio Proprietário Marcus Simonini que dá os termos desta petição e que nos motivou a iniciá-la:


"Ao Sr. Carlos Roberto Dinamite de Oliveira, Presidente do Club de Regatas Vasco da Gama


Com cópia a membros do Conselho Deliberativo do CRVG (independentemente da posição político-partidária),


Na qualidade de Sócio Proprietário bronze - 12374-2, venho, com fulcro no Estatuto do Club de Regatas Vasco da Gama, respeitosamente expor os seguintes fatos e ao final requerer o seguinte:


Considerando que o CRVG foi rebaixado à Serie B do Campeonato Brasileiro, em intervalo de 5 anos, o que aponta para uma forte deficiência técnica e de planejamento, ao longo deste mandato, o que é incompatível com a grandeza desta Instituição, e que tal fato não é um tropeço (como está erroneamente publicado no site oficial do Club), mas sim uma enorme mancha na História desta Instituição Secular;


Considerando que, ao longo dos dois mandatos, Vossa Diretoria não foi capaz de construir um Club de Regatas Vasco da Gama forte, modernizado, profissionalizado, respeitado, vencedor, proprietário de um CT e de uma Arena, para a abrigar o Rugby, nos Jogos Olímpicos de 2016, o que, por conseguinte, inviabilizou a revitalização do Entorno de São Januário, no Caderno de Encargos da Prefeitura do RJ, realizações estas de valor incalculável para a marca da Instituição, e sua projeção no cenário internacional;

Considerando o estado de decadência geral que atinge o Patrimônio do Club de Regatas Vasco da Gama, com comprometimento de seu Parque Aquático, do seu Estádio, e o precário estado de conservação de todas as Sedes do CRVG, bem como do Colégio Vasco da Gama, e esportes amadores, como o Remo;


Considerando a grave situação financeira na qual se encontra o CRVG, o que torna muito complicado o planejamento para o ano de 2014, e seguintes;


Considerando a imperiosa necessidade do CRVG vir a acompanhar a tendência das gestões dos clubes de futebol mundo afora, o mais rápido possível;


Peço que considere retribuir à instituição que o formou e projetou como Ídolo de uma Grande Torcida, agora, por tudo que o CRVG já fez pelo Senhor, para, com base no Estatuto Social, vir a apresentar, hoje, dia 09/12/2013, sua RENÚNCIA ao cargo de Presidente do Club de Regatas Vasco da Gama, praticando este ato, por dignidade e respeito a esta Instituição Centenária.

Peço, por fim, que ao apresentar sua renúncia, solicite que todo o processo daí decorrente seja no sentido da antecipação das Eleições Gerais para o próximo triênio.


Considere como sendo a decisão mais acertada da sua gestão, em decorrência do atual momento do nosso Club, e para que o CRVG tenha a oportunidade de reerguer-se, através de Vascaínos abnegados, que não medirão esforços para recolocar o Vasco da Gama no seu devido Status, ao lado dos grandes Clubes de Futebol do Mundo.


* O Senhor continuará a ser Ídolo do CRVG, maior artilheiro de Campeonatos Brasileiros que é, mas entenda que não há mais condições políticas, nem técnicas e administrativas de obter o apoio e motivação necessários dos Sócios e da imensa torcida Cruz-maltina, para retomar o caminho à Série A, em 2014. A decisão mais correta é mesmo deixar o Club agora, em caráter definitivo, face à enorme rejeição e perda de legitimidade do vosso mandato.


Atenciosamente,


Marcus Simonini Ferreira - Sócio Proprietário Bronze 12374-2, desde março/1984"