A Internet está....salva??!!



(Setembro 2016)

Há cinco anos, lutamos contra grandes corporações para salvar a Internet e, ao que tudo indica, VENCEMOS!!!!!

Primeiro, conseguimos vitórias nos Estados Unidos, Brasil e Índia e, agora, na União Europeia. Vejam o que um funcionário de alto escalão da França (cuja voz foi crucial na votação) nos disse na semana passada, antes de anunciar a legislação para proteger a Internet para meio bilhão de europeus:
 
Sebastien Soriano
  "Devo confessar que alguns dos tweets e mensagens que recebi me emocionaram... gente me pedindo para 'salvar a Internet' e 'acabar com o controle corporativo'. Tive uma vontade grande de reagir."
-- Sebastien Soriano, Diretor da ARCEP, autoridade reguladora da Internet da França
Ao fazer o anúncio da lei, os oficiais exibiram gráficos mostrando uma quantidade sem precedentes de comentários dos cidadãos – cerca de 640 por minuto, a grande maioria da Avaaz!

As corporações queriam uma Internet rápida para os ricos e uma via mais lenta para todo o resto de nós. Lutamos pelo princípio de “neutralidade da rede” – a mesma Internet para todo mundo.

A luta global durou cinco anos e envolveu quatro continentes:

“Neutralidade
Estados Unidos – Cerca de 2,5 milhões de membros uniram-se a um senador norte-americano que ameaçou paralisar o debate de uma proposta de lei contrária à neutralidade de rede com a leitura de nossas assinaturas na frente do Senado! A lei morreu. VITÓRIA!

Neutralidade da rede – Índia
Índia – A Avaaz fez parceria com grupos nacionais de defesa da Internet, mobilizando milhares de membros no país em um apelo público para o ministro das telecomunicações. VITÓRIA!

Neutralidade da rede - Brasil
Brasil – Vários parlamentares participaram ativamente de nossa campanha ajudando a aprovar o Marco Civil da Internet, "a mais avançada lei de proteção da Internet do mundo”. VITÓRIA!

Neutralidade da rede - União Europeia

Europa – Gigantes das telecomunicações fizeram um esforço monumental para abrir brechas na lei de neutralidade da rede, conquistada a duras penas, mas conseguimos detê-los. A imprensa, que normalmente não dá boa notícia, não para de falar sobre o assunto. Leia sobre nossa mais recente conquista na Reuters, Tagesspiegel, Politico, EFE, Euractiv, Wall Street Journal. VITÓRIA!

A internet é mais do que simplesmente um tópico de campanha. Ela é uma ferramenta de grande poder para os seres humanos ao nos conectar uns aos outros. A discriminação na rede teria canalizado esse poder para a minoria rica, cujos sites seriam carregados muito mais rapidamente e funcionariam melhor do que as páginas de pequenas empresas, blogueiros e organizações sem fins lucrativos, como a Avaaz.

Mas usamos o poder da conexão para defender a conexão em si. E agora a neutralidade da rede é mais do que um princípio, é o padrão para a Internet em todos os cantos do mundo.

Isso é também um sinal de esperança para todos os desafios que o planeta enfrenta. Enquanto estivermos juntos, e permanecermos conectados, poderemos construir o mundo que sonhamos.

A Avaaz só pode conquistar todas essas vitórias porque é financiada apenas por pequenas doações individuais dos membros – não aceitamos dinheiro de empresas, governos, fundações ou em grandes quantias. Para contribuir com nossas campanhas pela liberdade da Internet, clique aqui.

* Nosso grande OBRIGADO e PARABÉNS a todos os aliados incríveis envolvidos nessas vitórias em cada país, especialmente para Access Now, Digitale Gesellschaft, DemandProgress, EFF, EDRi, Fight for the Future, FreePress, Gilberto Gil, La Quadrature du Net, MoveOn, Save the Internet, World Wide Web Foundation, campanha The Right to Know e muitos outros!

Compartilhe nas redes

Clique para copiar: