Clique em Configurações de Cookies  para usar este recurso.
Em seguida, clique em 'Permitir Todos' ou ative apenas os  'Cookies Publicitários'
Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies .
OK
Vitória
Vencemos nossa meta de 50.000 assinaturas!

Vencemos nossa meta de 50.000 assinaturas!

Vitória
48,495 assinaram. Vamos chegar a 75,000
48,495 Apoiadores

Complete a sua assinatura

,
Avaaz.org protegerá sua privacidade. e te manterá atualizado sobre isso e campanhas similares.
Esta petição foi criada por Sandra T. e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
Sandra T.
começou essa petição para
Excelentíssimo Governador do Estado de Santa Catarina
Vitória conseguimos nossa meta.

Venho através desta petição pedir ao Excelentíssimo Senhor Raimundo Colombo, Governador do Estado de Santa Catarina, que compartilhe da nossa dor e aja de forma severa para que justiça seja feita com a exoneração e pena máxima para o policial militar que assassinou o surfista Ricardo dos Santos (Ricardinho) - que foi baleado na frente da sua casa no dia 19 de Janeiro de 2015,sendo socorrido e transferido para o Hospital Regional São José (Florianópolis-SC) onde veio a falecer no dia 20 de Janeiro de 2015 após passar por várias cirurgias. Nós brasileiros não aguentamos mais tanta violência.
O Brasil perdeu um grande atleta, e sua familia um ente querido. Nossa reivindicação é que o assassino seja exonerado da policia militar e condenado a pena máxima.

Att,
Irmandade dos Mares.


Through this petition I want to ask Sir Raimundo Colombo, Governor of the State of Santa Catarina, to share our pain and act harshly so that justice can be made regarding to the murder of Ricardo Santos (Ricardinho) - who was been shot in front of his house on 19 January 2015, being rescued and transferred to the Regional Hospital São José (Florianópolis, SC) where he died on January 20, 2015 after 4 surgeries. We Brazilians cannot handle such violence.
Brazil lost a great surfer, and his family a loved one. Our reividicação is that the killer is arrested as required by law.


Brotherhood of the seas



Postado (Atualizado )