Clique em Configurações de Cookies para usar este recurso.
Em seguida, clique em 'Permitir Todos' ou ative apenas os 'Cookies Publicitários'
Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies.
OK
Salve o santuário de aves de Salgados de ser destruído!

Salve o santuário de aves de Salgados de ser destruído!

34,275 assinaram. Vamos chegar a   50,000
34,275 Apoiadores

 

Complete a sua assinatura

,
Ao juntar-se a esta campanha você concorda em receber emails da Avaaz. Nossa Política de Privacidade protegerá seus dados - no link explicamos como eles serão usados. Você pode se descadastrar a qualquer momento.
Esta petição foi criada por Frank M. e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
Frank M.
começou essa petição para
Secretário de Estado do Ambiente, Paulo Lemos
A zona dos Salgados constitui um habitat único para pássaros, vital
para o usufruto de gerações futuras.
O Governo Português acabou de dar luz verde a um projecto de
"desenvolvimento" que irá cobrir grande parte da área, com 359
hectares. "Desenvolvimento" que, neste caso, significa "cimentar
sobre", destruindo assim este espaço vital para a vida selvagem, que
ficará perdido para sempre, para as gerações futuras. Qualquer desenvolvimento a ter lugar na área ter um impacto absolutamente pernicioso na vida selvagem que dele usufrui.


Quando é que o ser humano vai perceber que não é o único animal no
planeta?


O Algarve não precisa de mais hotéis, campos de golfe ou alojamento
de férias - cujo nível de ocupação anda actualmente pelos 55%. Aquilo
que REALMENTE precisa é que sejam apreciados os seus habitats únicos e
a vida selvagem que deles depende.
Ajudem-nos, por favor, a chegar às assinaturas necessárias para
levar o assunto à discussão no Parlamento. Precisamos de si - é a nossa
única esperança!

Como o Grande Chefe Seattle disse, "Só quando a última
árvore for derrubada, o último rio estiver poluído, o último peixe
morto, é que vamos perceber que não podemos comer dinheiro".

S.f.f. partilhe esta petição no seu Facebook e Twitter!

Postado: 25 junho 2012 (Atualizado: 14 abril 2015)