Clique em Configurações de Cookies para usar este recurso.
Em seguida, clique em 'Permitir Todos' ou ative apenas os 'Cookies Publicitários'
Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies.
OK
PRISÃO INAFIANÇÁVEL AOS PARTICIPANTES DA RINHA DE CÃES - FORAM SOLTOS!! Absurdo!!

PRISÃO INAFIANÇÁVEL AOS PARTICIPANTES DA RINHA DE CÃES - FORAM SOLTOS!! Absurdo!!

231,035 assinaram. Vamos chegar a   300,000
231,035 Apoiadores

 

Complete a sua assinatura

,
Ao juntar-se a esta campanha você concorda em receber emails da Avaaz. Nossa Política de Privacidade protegerá seus dados - no link explicamos como eles serão usados. Você pode se descadastrar a qualquer momento.
Esta petição foi criada por RicardoGodoy G. e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
RicardoGodoy G.
começou essa petição para
Ilmo Juiz Andre Luiz da Silva da Cunha, fórum de Guarulhos-SP
Precisamos mudar o código penal urgente! Clamamos para que CRIMES CONTRA ANIMAIS sejam classificados como CRIME HEDIONDO, sem direito a fiança, direto para a condenação!

O juiz que os soltou cumpriu o que determina o código penal, que é totalmente falho. A polícia faz um trabalho impecável, perde meses, dias, noites, madrugadas, articula todo um esquema para capturar os criminosos, faz campana, gasta o dinheiro público (porque tudo isso tem custo), faz uma prisão em flagrante, para que em poucas horas a justiça os solte na rua. Sinceramente, o Sr. Juiz alegar que “o fato não era grave para manter a prisão preventiva” é algo que a população não consegue compreender!!!! VAMOS PEDIR URGÊNCIA NA ALTERAÇÃO DAS LEIS!!

Uma pessoa que usa da vida de um animal para satisfazer seus prazeres e lucrar com o sofrimento dessas vidas não pode ser solta como se nada tivesse feito. Precisa pagar!!! A justiça é ótima para caçar e punir quem sonega imposto, por exemplo, porque isso é interesse público. Mas quando se trata de punir por um crime hediondo, por que não age com o mesmo rigor??

Absurdo!! Dos 41 detidos, apenas 1 teve a prisão mantida, que foi o organizador da rinha. O que eles fizeram foi pior do que maltratar um ser humano, pois um ser humano consegue pedir ajuda e se defender! Já um Animal não! Segundo o Juiz Andre Luiz da Silva da Cunha, “eles são réus primários e têm residência fixa”, e o pior do argumento do Sr. Juiz foi esse: “Em que pese a reprovabilidade do comportamento dos autuados, os fatos NÃO SÃO GRAVES a ponto de justificar a decretação da prisão preventiva”.

Ilustríssimo Sr Juiz, Vossa Excelência realmente entende que DESTROÇAR INTENCIONALMENTE a vida de dezenas de animais, judiando até a morte, não é fato grave??? Pior ainda, monetizando essa prática absurda. O que é grave para o senhor???? Se puder me responder, me chamo Ricardo Godoy, 42 anos, paulistano e gostaria muito de entender sua explanação sobre o que é grave e o que não é sob a sua ótica, porque sob a ótica dessas milhares de pessoas que já assinaram essa petição, isso não é apenas grave. É uma atrocidade!!!! São vidas que não possuem a menor condição de se defenderem! É crime contra a fauna! Não há diferença entre incendiar a Amazônia ou mutilarem cães até a morte, promovendo milhares de reais em apostas, e pior, com um policial militar, um veterinário e um médico envolvidos!!!

Acredito que todos os brasileiros têm o direito de saber o seu entendimento do que é grave e o que não é. Com todo o respeito à V.Exa, não apenas de interpretação de código penal deveria ser feito um julgamento de um transgressor, mas também de ética e principalmente bom senso.

Para os que ainda não sabem, 41 pessoas foram detidas em flagrante sábado, 14/dez, em uma chácara em Mairiporã-SP, por promoverem rinha de cachorros, que lutavam até a morte. 19 cães muito feridos, 1 morto e 1 (pasmem!) assado na churrasqueira, que seria usado para "instigar" os cães que participavam da rinha. 

Até mesmo um veterinário participava da rinha, responsável por aplicar medicamento nos animais para que tivessem condições de continuar lutando mesmo após estarem muito feridos. 1 policial militar também estava envolvido, além de 5 estrangeiros.

Pelo amor de Deus! Precisamos conseguir fazer com que esses monstros fiquem presos sem direito a fiança e obrigado a cumprir a pena aplicada.

Postado: 16 dezembro 2019 (Atualizado: 20 dezembro 2019)