Clique em Configurações de Cookies para usar este recurso.
Em seguida, clique em 'Permitir Todos' ou ative apenas os 'Cookies Publicitários'
Ao continuar você está aceitando a Política de Privacidade da Avaaz, que explica como seus dados podem ser usados e como serão protegidos.
Entendi
Nós utilizamos os cookies para analisar como visitantes usam o site e para nos ajudar a fornecer para você a melhor experiência possível. Leia nossa Política de Cookies.
OK
Ministério Publico: Impeça a construção da Termelétrica de Peruíbe

Ministério Publico: Impeça a construção da Termelétrica de Peruíbe

3,270 assinaram. Vamos chegar a   5,000
3,270 Apoiadores

 

Complete a sua assinatura

,
Ao juntar-se a esta campanha você concorda em receber emails da Avaaz. Nossa Política de Privacidade protegerá seus dados - no link explicamos como eles serão usados. Você pode se descadastrar a qualquer momento.
Esta petição foi criada por Patricia P. e pode não representar a visão da comunidade da Avaaz.
Patricia P.
começou essa petição para
Ministério Publico
Mesmo uma termeletrica de gás natural tem impacto ambiental!
As torres de resfriamento são grandes estruturas que caracterizam e identificam essas centrais. Parte do calor extraído passa para um rio próximo ou para o mar num impacto ambiental relevante produzido por uma termelétrica. Este calor pode alterar as condições de existência de flora ou fauna e interferir decisivamente como fator limitante para a reprodução de espécies.
Certamente com este projeto Peruíbe perderá parte de sua atratividade turística. Durante o período da construção haverá impactos ambientais e sociais  (muitos trabalhadores se fixarão na cidade para trabalhar no projeto). Acabado o projeto, muitos ficarão na cidade e não terão trabalho. Peruíbe tem potencial para um turismo de nível mais alto , podendo gerar mais renda para sua população. Mas com um monstro destes instalado na cidade, o apelo turístico da cidade pode cair. cair.cair.veraneio" quprojeto?
Postado: 18 Fevereiro 2017 (Atualizado: 11 outubro 2017)