Update your Cookie Settings to use this feature.
Click 'Allow All' or just activate the 'Targeting Cookies'
By continuing you accept Avaaz's Privacy Policy which explains how your data can be used and how it is secured.
Got it
We use cookies to analyse how visitors use this website and to help us provide you the best possible experience. View our Cookie Policy.
OK
Ministério Público: Solidariedade à Sâmia Bomfim! Frota na Cadeia!

Ministério Público: Solidariedade à Sâmia Bomfim! Frota na Cadeia!

3,456 have signed. Let's get to  5,000
3,456 Supporters

Close

Complete your signature

,
By continuing you agree to receive Avaaz emails. Our Privacy Policy will protect your data and explains how it can be used. You can unsubscribe at any time.
This petition has been created by Coletivo J. and may not represent the views of the Avaaz community.
Coletivo J.
started this petition to
Ministério Público
Na edição de 22/05/2014, no programa Agora é Tarde, Alexandre Frota contou ao apresentador do programa, Rafinha Bastos, que, anos atrás, estuprou uma mãe de santo e chegou a fazê-la desmaiar com a força com qual pegou no pescoço dela.Na entrevista, Frota narra os detalhes do crime entre encenações e gargalhadas do apresentador do talk show e da plateia. O episódio terminou com o apresentador Rafinha Bastos pedindo “uma salva de palmas para essa história maravilhosa”.
O comentário gerou revolta de internautas e autoridades que protestaram contra o ator e repudiaram a declaração dele nas redes sociais. Sâmia Bomfim, uma das ativistas que se manifestou nas redes sociais, foi ameaçada diretamente por Frota, que agora entrou com um processo por calúnia e difamação.
Nós abaixo-assinantes queremos manifestar nossa solidariedade para a ativista Sâmia Bomfim, e entendemos que quem deve responder na justiça é Alexandre Frota que confessou ter estuprado e saído impune, além disso, o discurso do ator durante a entrevista mostra intolerância religiosa e incita a violência.

Entenda o caso completo em: https://medium.com/p/ff25edadfc7d/
Posted: 3 August 2015 (Updated: 29 May 2016)